I SEMINÁRIO ESTADUAL – A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E A EDUCAÇÃO PÚBLICA PARANANENSE: 30 ANOS DO CURRÍCULO BÁSICO

O Evento

A ideia de realizar I SEMINÁRIO ESTADUAL - A PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA E A EDUCAÇÃO PÚBLICA PARANANENSE: 30 ANOS DO CURRÍCULO BÁSICO está associada a um conjunto de atividades desenvolvidas pelo Grupo de Pesquisa História Sociedade e Educação no Brasil, GT do Oeste e Sudoeste do Paraná, sediado na UNIOESTE, tendo como sigla HISTEDOPR. Devido às características multicampi da Unioeste, o HISTEDOPR também se organiza desta forma, contando com pesquisadores nos campi de Cascavel, Foz do Iguaçu e Francisco Beltrão. O HISTEDOPR é um GT do HISTEDBR Nacional, sediado na Unicamp.

Dentre um conjunto de atividades desenvolvidas pelo grupo, que justificam o evento, destacamos:

  1. A) as pesquisas desenvolvidas no projeto:As contribuições da pedagogia histórico-crítica para a escola pública do Paraná entre 1980 – 2010, realizado entre 2013 e 2016, financiado pela Fundação Araucária;
  2. B) aos grupos de estudos sobre a Pedagogia Histórico-Crítica, na modalidade de extensão, que vem sendo desenvolvidos desde 2017, com grupos de estudos em diversos estados brasileiros;
  3. C) diz respeito as pesquisas desenvolvidas e orientadas pelos docentes participantes do HISTEDOPR, junto aos programas de mestrado em Educação de Francisco Beltrão e de Cascavel, bem como no mestrado de Ensino de Foz do Iguaçu;
  4. D) em 2020 comemoramos os 30 anos da implementação do Currículo Básico para a Escola Pública paranaense, fundamentado e alicerçado na Pedagogia Histórico-Crítica;
  5. E) precisamos ressaltar a importância e as contribuições da PHC nos avanços da educação paranaense, tanto no processo de ensino na educação básica, como na educação superior.

Em relação ao conjunto dos acontecimentos no campo da Educação Brasileira, podemos considerar que a Pedagogia Histórico-Crítica é recente. Contudo, nestes poucos anos de existência, aproximadamente quatro décadas, ela não só tem marcado presença e se tornado conhecida, como é referência, praticamente obrigatória, quer seja para a historiografia e para a história da educação, bem como para os Projetos Político-Pedagógicos (PPPs), das escolas e até mesmo nas propostas pedagógicas de Secretarias de Estado da Educação e Secretarias Municipais de Educação.

Concorde-se ou não com ela, adote-se ou não na prática pedagógica, ela está presente nas discussões travadas no interior das instituições escolares. Ela está registrada na história e na historiografia da educação brasileira e paranaense, fazendo parte dos referenciais dos educadores.

A partir dessa constatação sentimos a necessidade de debater tais contribuições em um evento, de caráter estadual, visando resgatar parte dessa trajetória e conhecer algumas das experiências realizadas nesses 30 anos de Currículo Básico.

Nosso público alvo são os professores da educação básica das redes públicas e privadas, os estudantes de graduação e pós-graduação e professores do ensino superior afeto as licenciaturas, militantes dos movimentos sociais organizados, bem como pesquisadores do campo da educação.

O objetivo geral do evento é:

Analisar em que medida a Pedagogia História-Crítica (PHC) influenciou/influencia, contribuiu/contribui na luta pela escola pública e para pensar a prática pedagógica na /da educação no Paraná.

Os objetivos específicos do evento são:

  1. a) Conceituar os fundamentos históricos, filosóficos, políticos e pedagógicos da Pedagogia Histórico-Crítica;
  2. b) Construir espaços de discussão sobre os fundamentos teóricos e metodológicos da Pedagogia Histórico-Crítica;
  3. c) Socializar e articular referências e experiências de ensino fundamentados na Pedagogia Histórico-Crítica;
  4. d) Incentivar estudos e pesquisas sobre a prática pedagógica Histórico-Crítica;
  5. e) Debater a aceitação e/ou resistência em relação à PHC por parte dos profissionais da educação;
  6. f) Difundir estudos e pesquisas sobre a Pedagogia Histórico-Crítica;
  7. g) Fomentar a formação permanente e continuada de professores da educação básica em suas bases teóricas e metodológicas;
  8. h) Estimular a formação de Redes de pesquisas e estudos sobre a Pedagogia Histórico-Crítica no Estado do Paraná;
  9. i) Fortalecer a luta e o compromisso dos educadores com a qualidade da Escola Pública paranaense.

Acese os site do Evento