Servidoras da Unioeste Foz do Iguaçu realizam pesquisa em pacientes com COVID-19

As servidoras Drª. Luciana Aparecida Fabriz e Drª. Ana Paula Contiero Toninato, ambas enfermeiras da Unioeste Campus de Foz do Iguaçu, realizaram uma reunião com a coordenadora do serviço de enfermagem do Hospital Municipal Padre Germano Lauck, Mariana Medeiros Fachine. No encontro foi articulado o início da coleta de dados, de uma pesquisa voltada para avaliar a transição do cuidado de pacientes com a COVID-19, do hospital para casa.
 
O estudo é um desdobramento, da pesquisa, intitulada “Transição do Cuidado do Hospital para Casa: a continuidade do cuidado na Rede de Atenção à Saúde”, desenvolvida pelo “Grupo de Altos Estudos de Avaliação de processos e práticas da Atenção Primária à Saúde e Enfermagem – GAAPS” da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, EERP-USP.
 
O estudo é coordenado pela Profa. Drª. Ione Carvalho Pinto e faz parte do plano de trabalho do Centro Colaborador da Organização Pan-americana de Saúde e da Organização Mundial de Saúde - OPAS/OMS para o Desenvolvimento da Pesquisa em Enfermagem. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética e Pesquisa (CEP) da EERP-USP e será desenvolvida no Hospital Municipal de Foz do Iguaçu. O trabalho representa mais uma importante parceria entre as Universidades e o HMPGL, para enfrentamento da pandemia da COVID-19.
 
Metodologia - A transição do cuidado, representa uma estratégia importante para garantir ao paciente esclarecimento e segurança, quanto a continuidade do seu cuidado em casa. “Na primeira etapa da pesquisa, será realizada a coleta das informações de forma documental no prontuário de internação dos pacientes e complementadas durante a entrevista”, explica Luciana Fabriz. “Será utilizado um questionário, contendo caracterização dos sujeitos, dados sociodemográficos da família e dados relativos ao histórico de saúde do paciente”, complementa.
 
A segunda etapa terá como finalidade avaliar, a transição do cuidado na perspectiva do usuário, utilizando a versão adaptada para uso no Brasil do instrumento Care Transitions Measure (CTM-15), o qual considera as informações sobre o período em que esteve no hospital; o preparo para a alta incluindo o cuidado em casa; orientações sobre consultas e acompanhamentos médicos e os medicamentos administrados no domicílio.
 

Por Marcos Oliveira

Publish the Menu module to "offcanvas" position. Here you can publish other modules as well.
Learn More.

Nós usamos cookies
Nós usamos cookies no nosso site. Alguns deles são essenciais para o funcionamento do site, enquanto que outros ajudam a melhorar o site e a experiência do usuário. Você pode decidir se quer permiti-los ou não. Tenha em mente que, em caso de rejeição, você não será capaz de usar todas as funcionalidades do site.